Abra seus olhos: como a falta de planejamento afeta a eficiência do seu conteúdo

Você já se pegou escrevendo um post para o seu http://patentlot.com/patent-searches/ blog ou i loved this Facebook no dia em que ele deveria estar sendo publicado?

No início da minha carreira como profissional de internet todas as minhas ações se baseavam em intuição e eu acreditava que planejar era o suprassumo da perda de tempo.

Por que diabos eu vou colocar no papel uma coisa que eu já sei que vou fazer sendo que colocar no papel vai me tomar o tempo que eu poderia estar investindo em fazer?

Os anos e os erros cometidos por pensar desta forma me mostraram que o planejamento, seja ele dentro do marketing de conteúdo ou mesmo no seu negócio como um todo, é capaz de lhe entregar não somente uma visão ampla com relação a suas ações e objetivos, mas também de contribuir para a melhoria da qualidade e da eficiência do seu trabalho, de te permitir criar parâmetros para análise de desempenho entre uma série de outras coisas.

Tendo isso em mente, gostaria de alertá-lo a respeito de algumas das principais armadilhas que você corre sério risco de incorrer quando abre mão do seu calendário editorial e começa a “deixar a vida te levar”.

voz-da-tribo-post-blog-abra-seus-olhos-planejamento-conteudo-deixa-levar

Então vamos lá!

Profundidade e autenticidade

Saindo um pouco da discussão a respeito da eficácia de textos curtos em detrimento de longos , a falta de tempo ou o simples descaso com a criação da sua pauta pode transformar seu conteúdo em mero lixo digital.

E quando digo lixo não me refiro especificamente a erros gramaticais ou de estrutura de texto, mas, principalmente, de valor agregado ou da falta desse mesmo valor.

Ninguém merece conteúdo raso.

voz-da-tribo-post-blog-abra-seus-olhos-planejamento-conteudo-entrega

Quando, por exemplo, você decide produzir um texto sobre algo que é amplamente discutido em outros sites, redes sociais, canais de vídeo e afins, o ideal é que algo de novo seja adicionado a discussão.

Sim, pode ser a sua opinião com relação ao tema, uma nova forma de fazer – caso esteja falando de uma técnica ou habilidade profissional – ou até mesmo um compilado com diferentes pontos de vista que incentive o leitor a refletir a respeito de conceitos pré-estabelecidos.

Não seja aquela pessoa que lê algo, balança a cabeça com sinal de positivo e simplesmente replica a opinião de outra pessoa. Lembre-se, a sua visão de mundo é a sua joia rara. Compartilhe-a!

Pouca ou nenhuma pesquisa

Principalmente quando falamos em texto, a pesquisa é uma das partes mais importantes do processo de produção.

Através dela, além de enriquecer seu material e evitar o primeiro sintoma (conteúdo raso), você tem a chance de fazer o link para outros conteúdos que complementam o seu.

voz-da-tribo-post-blog-abra-seus-olhos-planejamento-conteudo-busca

Já ouviu falar em Link Building?

Não?

Então leia este artigo do Henrique Lara, da Rock Content, sobre o assunto antes de continuar.

Agora que já tem uma boa ideia de como funciona esta estratégia, deve concordar comigo que produzir seu conteúdo como quem despacha uma encomenda sem remetente nem destinatário não é um caminho sustentável para o seu projeto, não é mesmo?

Falta de revisão

Se a sua resposta para a pergunta que fiz no início deste artigo foi “sim”, nem tente me convencer de que você revisa corretamente seu conteúdo antes de leva-lo ao ar.

voz-da-tribo-post-blog-abra-seus-olhos-planejamento-conteudo-bronca

Digo isso porque, durante muito tempo, finalizava a produção de textos, áudios e até mesmo vídeos na própria ferramenta onde eles seriam publicados.

Esse é o sinal mais claro de que você precisa parar a máquina e começar a pensar e agir de forma estratégica.

Não tem ninguém que possa revisar seu artigo para você?

Tudo bem, mas isso não é desculpa para publicar sem dar uma última olhada.

Afaste-se do material durante algumas horas.

Assista um filme, ouça música, converse com outras pessoas sobre temas aleatórios.

Quando estiver verdadeiramente desconectado do que produziu, volte e faça sua revisão sem pressa.

Incongruência com posicionamento e objetivo

Quem nunca viu um blog, página do Facebook ou canal do Youtube no qual o produtor, sem mais ideias do que falar para sua audiência, começa a propor temas que não estão diretamente relacionados ao seu projeto ou que não agregam em nada para seus leitores, ouvintes ou espectadores?

Por meio do planejamento, além de definir um objetivo claro para o seu conteúdo, você tem mais tempo para ter ideias, pesquisar, produzir e revisar.

voz-da-tribo-post-blog-abra-seus-olhos-planejamento-conteudo-jornada

Sempre que produzir algo para sua audiência olhe para seu objetivo e se faça a seguinte pergunta:

O que estou passando agora com este material me deixa mais próximo, mais distante ou no mesmo lugar, com relação ao meu objetivo?

Se a resposta não for “mais próximo”, procure entender o motivo e alinhar o que foi produzido para que se torne.

Pouca regularidade

E por fim, porém não menos importante, vem a boa e não tão velha assim, consistência.

Mas o que planejamento de conteúdo tem a ver com a regularidade de postagens?

Tudoooooooo!

voz-da-tribo-post-blog-abra-seus-olhos-planejamento-conteudo-regularidade

Lembra da nossa pergunta lá do começo do texto?

Quando não temos um plano para produzir, além de todos os problemas sobre os quais conversamos até aqui, ficamos sujeitos a imprevistos e, com frequência, não damos conta de fazer o que precisa ser feito.

Observe o meu caso:

Estou em Salvador neste exato momento e, não fosse a minha pauta, montada no final de junho, atrasaria todo material da próxima semana.

Na semana que vem viajo para Recife e já prevejo todos os compromissos que terei com familiares e amigos.

Mas está tudo bem, eu tenho um plano 😉

Pode parecer loucura, mas se você está começando, é melhor parar de publicar e começar a produzir para o mês seguinte. Vai por mim, no início é contra intuitivo, mas logo você verá como as coisas fluem melhor e mais rápido.

Conclusão

Antes de ir, que tal rever cada um dos pontos da nossa conversa para fixar melhor este conteúdo e partir para o trabalho com todo o gás?

1 – Profundidade e autenticidade: suas experiências e visão valem ouro. Não as desperdice por medo de estar falando besteira.

2 – Pesquisa: a internet está abarrotada de conteúdo, mas carente de bons combinadores. Desenvolva esta habilidade e veja a mágica acontecer.

3 – Revisão: erros fazem parte do processo e não devem ser empecilho para começarmos, mas não custa nada dedicar um tempinho para a revisão, não é mesmo?

4 – Posicionamento: o que você compartilha está alinhado com o seu objetivo? Sim? Meu Deus, acho que vou chorar de felicidade. Parabéns!

5 – Regularidade: como você se sentiria se sua série favorita levasse 3 semanas para lançar um novo episódio ao invés de 1 semana – como prometido pela emissora que a produz?

Fechou? Agora vai lá porque tem um montão de gente precisando de você e do seu trabalho para transformar suas vidas e seus negócios.

Espero ter ajudado e, caso tenha alguma dúvida ou sugestão, deixe seu comentário. Será um prazer ajuda-lo.

Até a próxima!

newsletter png

Para receber estas e outras dicas exclusivas em primeira mão, ASSINE NOSSA LISTA!

RelatedPost