Lições valiosas da Chapada (BA) para produção de conteúdo

Você acredita, do fundo do seu coração, que tem algo buy Keppra online no prescription relevante para compartilhar com as pessoas?

É comum entre profissionais dos mais diversos campos de atuação acreditar que o seu conhecimento vem, única e exclusivamente do conteúdo teórico adquirido durante seus estudos ou das lições que aprenderam enquanto executavam a sua função, seja ela qual for.

Isto não é verdade.

generic Premarin without prescription Neste artigo, compartilhei algumas experiências que vivenciei durante uma viagem aos EUA e dei a cada uma delas uma ótica voltada para o mundo do empreendedorismo, trazendo analogias relacionadas a pesquisa de mercado, relacionamento com cliente entre outras. Confira!

O fato é que, muitas vezes, temos vivências e questionamentos valiosos que, compartilhadas com pessoas que estão apenas começando, podem fazer toda a diferença na sua jornada.

voz-da-tribo-post-blog-chapada-estrada

No artigo de hoje, trarei algumas lições que aprendi sobre produção de conteúdo durante a minha visita a Chapada Diamantina, no interior do estado da Bahia.

Espero que possam aproveitar ao máximo cada uma delas e leva-las para a sua rotina.

Hora de pôr o pé na estrada!

Siga as pegadas de quem já tentou e conseguiu

voz-da-tribo-post-blog-chapada-pai-inacio

1.120 metros de pura beleza natural e muito – e eu disse muito mesmo – pedregulho, passagens apertadas e frio no estômago.

Este é o famoso Morro do Pai Inácio.

A trilha que leva até o ponto mais alto, onde os turistas costumam apreciar, além da vista maravilhosa, o pôr do sol, é fácil e não leva mais de 25 minutos para ser vencida.

Porém, para quem não tem experiência alguma com este tipo de atividade, a subida pode ser um tanto quanto desafiadora.

Eu, por exemplo, observei atentamente cada passo da pessoa que estava a minha frente – nitidamente mais experiente – para repetir seus movimentos e errar o mínimo possível.

Ufa! Cheguei inteiro. Para quem ainda não visitou o local, por favor, vá!

A lição não poderia ser mais simples, não é mesmo? Observe quem tem resultados mais expressivos e faça igual.

Então porque tanta gente continua cometendo erros bobos mesmo tendo tantos exemplos a serem seguidos por aí? Arrisco dizer que apenas observar não é o suficiente, você precisa fazer enquanto observa.

Se você retroceder um ou dois meses e ler algumas das minhas postagens aqui no blog, comparando com as mais recentes, verá o quanto mudei a minha abordagem e forma de escrever.

Como e por que eu fiz isso?

Simples.

voz-da-tribo-post-blog-chapada-timao-e-pumba2

Como  

Pesquisando e entendendo melhor o meu mercado, mapeando os maiores e melhores e entendendo como cada um deles trabalha.

Por que 

Porque sei que tenho algo relevante para compartilhar e a forma como isso é feito afeta radicalmente a quantidade de pessoas que eu impacto.

Então, seja você um iniciante ou não, procure os melhores e siga o seu rastro.

Não para estar sempre atrás deles, mas para ter um parâmetro de qualidade de alto  também para ter condições de fazer melhor do que eles um dia.

Aqui estão os dois produtores de conteúdo que estou sempre seguindo e buscando formas de criar um diferencial para superá-los:

Viver de Blog / Henrique Carvalho

Quick Sprout / Neil Patel

Crie sua lista, podem ser os 3 ou 5 melhores do mercado, e comece a trabalhar com o objetivo de fazer melhor do que eles.

Respeite o seu ritmo

voz-da-tribo-post-blog-chapada-cachoeira-do-mosquito

Dizem que pra descer todo santo ajuda, mas e na hora de subir?

Logo pela manhã, no segundo dia da viagem, entramos no carro e pegamos a estrada para conhecer um lugar chamado Cachoeira do Mosquito.

De cara você deve imaginar um lugar escuro e cheio de insetos, eu suponho – rsrs.

Mas não era nada disso. Na Chapada Diamantina, o nome dos passeios tem um viés poético e geralmente está relacionado a características da água.

A Cachoeira da Fumaça, por exemplo, tem esse nome por conta da cortina de fumaça que se forma devido à altura da cachoeira, que não permite que a água toque o chão sem que antes se dissipe.

Enfim, chegamos até o local após algumas playlists do Spotify e muitos buracos na estrada de barro.

Paramos o carro e descobrimos que, assim como no Morro do Pai Inácio, precisaríamos passar por uma trilha, desta vez descendo, para chegar até o local da cachoeira.

Beleza, vamos nessa!

Descemos, aproveitamos ao máximo o lugar e, quando já se aproximava o horário do almoço, decidimos subir.

A segunda parte da aventura

Um segundo grupo de pessoas que já estava no local quando chegamos iniciou a subida ao nosso lado.

Eram três moças e três rapazes, todos com, no máximo, 30 anos de idade.

Como de costume em trilhas, alguns se destacam e tomam a frente enquanto outros, com menos condicionamento físico, seguem atrás.

voz-da-tribo-post-blog-chapada-trilha

Uma das moças do grupo, tentando acompanhar os amigos, impôs a si mesmo uma velocidade de subida acima da que era capaz de manter e, cerca de 50 metros adiante, precisou parar para descansar.

Todos os demais, observando a situação, pararam e aguardaram até que ela pudesse seguir caminhando.

No final, cada um chegou ao carro no seu tempo e tudo ficou bem.

Em se tratando de conteúdo, uma das reclamações mais frequentes das pessoas é que elas não sabem como produzir tanto material, como encontrar temas ou até mesmo tempo para dar conta de tanto trabalho extra.

Neste artigo, explico como ter ideias para sua pauta de conteúdo sem precisar recorrer a temas desgastados dentro do seu mercado.

Mas, ainda assim, você precisa encontrar o seu ritmo.

Se não consegue começar com 8 artigos por mês, ou 2 vídeos por semana, faça 4 e 1 respectivamente.

Ainda é muito?

Comece com 2 artigo por mês e 1 vídeo a cada 15 dias.

Com o planejamento e a prática esse número crescerá naturalmente.

Ignorar esta recomendação pode custar a sua consistência e, por consequência, minar as suas chances de gerar resultado a médio/longo prazo, vai por mim.

Mova-se em direção ao desconforto

voz-da-tribo-post-blog-chapada-poco-azul

Quem me conhece sabe o quanto eu adoro uma aventura, mas, como todo bom aventureiro, eu também tenho os meus medos. Todo mundo tem.

No Poço Azul, me desafiei ficando por bons 20 minutos em um lugar fechado e de difícil acesso.

Pode rir, eu sou frouxo para essas coisas mesmo – kkk.

Apesar disso, o passeio é maravilhoso.

A água é cristalina, o clima da caverna é sem igual e fazer algo que você nunca fez antes tem um gostinho especial. Bem, pelo menos para mim 😉

E a última lição de hoje é: mova-se em direção ao desconforto, ao desconhecido.

Meus professores de português costumavam dizer que para escrever melhor você precisa ler mais.

Eu concordo em parte.

Acredito que para obter excelência seja na escrita, na produção de vídeos, áudios, em palestras ou seja qual for a forma de comunicação, você precisa aprender coisas novas, precisa ser curioso.

Então, leia revistas e livros de segmentos que, a princípio, não lhe interessam, assista séries, leia jornal, ouça música e vá a lugares diferentes.

Pode parecer bobagem, mas se você quer criar algo diferente precisa ter coisas diferentes para combinar. Afinal, criar nada mais é do que juntar coisas.

JOSELY MENDES!!

Ah, e aproveite para conhecer um pouco mais a respeito do conceito de Storytelling. Este post, do blog Marketing de Conteúdo, introduz o assunto de forma simples e prática. Não deixe de ler!

Conclusão

Conseguiu dar conta de tudo? Fez suas anotações? Caso sua resposta seja não, tenho um desafio para você.

Pegue um pedaço de papel e uma caneta e liste 3 ações que você pode tomar tendo cada um dos tópicos discutidos no texto como base. Por exemplo:

1 – Listar 4 que realizam um trabalho excelente para acompanhar.

2 – Criar um plano de conteúdo que respeite meu ritmo e meu tempo para produzir.

3 – Escolher 1 livro, 1 filme e 1 lugar completamente novo para ler/assistir/visitar.

E lembre-se, suas experiências podem ajudar outras pessoas a encontrar soluções para seus problemas ou a reunir forças para superar suas dificuldades.

Acredite, você tem muito o que compartilhar!

newsletter png

Para receber estas e outras dicas exclusivas em primeira mão, ASSINE NOSSA LISTA!

RelatedPost